Uncategorized

Como utilizar o Mindfulness para reduzir o stress e melhorar a sua qualidade de vida

Com a prática do Mindfulness os níveis de stresse e ansiedade diminuem significativamente e o praticante ganha maior qualidade de vida.

Neste artigo conhecerá o que é o Mindfulness, o seu objectivo, de que forma o poderá ajudar e irá começar já a praticar com exercícios.

A vida em piloto automático

A maior parte de nós vive actualmente no que se pode chamar “piloto automático”.

Quem nunca se deu conta de estar a brincar com um filho e de repente perceber que estava muito longe, perdido nos pensamentos, quando a nossa criança pergunta “Mãe, não me ouviste?”

Mindfulness

Fazemos as nossas actividades, cumprimos as nossas obrigações, convivemos com quem está à nossa volta e até participamos em actividades que supostamente nos deveriam divertir e relaxar, mas…  estamos realmente lá? A nossa atenção estará realmente focada no que fazemos? Ou vagueará pelas preocupações relativas ao futuro e as recordações do passado?

Sendo assim, quando no nosso dia a dia nos colocamos no aqui e agora? Aproveitamos o momento? Colocamos o nosso foco na tarefa que executamos, nas pessoas com quem estamos?

Pois é, muito se fala actualmente em Mindfulness ou Atenção Plena e nos benefícios da sua prática.

Estamos a falar de uma prática que remonta a milhares de anos e conhece as suas raízes na meditação e ioga.

Assim, o Mindfulness cultiva relação com o momento presente, o que influencia enormemente a forma como canalizamos a nossa energia e a nossa mente flui nas diversas situações do dia-a-dia.

A prática de Mindfulness está associada a redução de níveis de stress e aumento de níveis de bem-estar geral.

Mindfulness

O que é o Mindfulness afinal?

Mindfulness é a consciência que emerge quando se presta atenção plena ao momento presente, sem julgamento.

Sendo assim, a atenção plena é a observação, sem crítica.

Na sua essência permite-nos captar os padrões de pensamento negativos antes que eles nos façam emergir numa espiral negativa.

Portanto, o objectivo desta prática não é eliminar estes pensamentos, mas sim observá-los, traduzindo a ideia de que não somos o que pensamos e que a nossa existência vai para além do nosso pensamento.

Tal facto promove uma postura de aceitação do pensamento, emoções e sensações corporais.

Assim, cultivar o Mindfulness é parar e estar presente.

O Mindfulness é um método de treino mental.

A origem do Mindfulness

A prática de Mindfulness desenvolveu-se ao longo de milhares de anos e em 1979 Jon Kabat-Zinn, professor de Biologia da Universidade de Massachusetts Medical School, desenhou um programa intensivo de meditação com vista à sua aplicação ao stress e à dor crónica.

Poderá saber mais sobre Jon Kabat-Zinn seguindo o link abaixo

https://pt.wikipedia.org/wiki/Jon_Kabat-Zinn

Formas de praticar Mindfulness

Quando falamos de prática de Mindfulness diferenciamos duas formas de o praticar:

Desse modo temos, a prática formal e a prática informal.

A prática formal desenrola-se num espaço específico, com um horário definido e com uma determinada postura, com a qual se sente confortável e que permita a quietude durante o período considerado para o exercício.

A prática informal realiza-se em qualquer situação, durante as actividades diárias, no trabalho, durante uma refeição ou até a conduzir.

Assim, este exercício estimula a prática da atenção plena aplicada às rotinas diárias.

Nesta modalidade, para além do foco poder estar direccionado para as actividades diárias, este também poderá estar centrado na respiração consciente. Este último exercício é o que passarei a apresentar.

Mindfulness

A importância da respiração no Mindfulness

O facto de estarmos atentos à nossa respiração faz-nos lembrar que na essência do nosso ser está a acontecer algo que depende muito pouco de quem somos ou do que queremos alcançar.

Acrescento ainda que a respiração oferece à meditação um objectivo natural e ajuda-nos a focar-nos no aqui e agora, transformando-se numa âncora para a atenção.

Não espere resultados imediatos…

Pense que quando está fora de forma, sem praticar atividade física por muito tempo e possui uma alimentação inadequada, algumas idas ao ginásio não vão resolver problema algum, será a prática sistemática e a compreensão correta sobre os fundamentos de Mindfulness que poderão causar efeitos salutares.

Assim, preferencialmente, não espere resultado algum. Pratique e deixe-se surpreender.

O meu objectivo deve ser parar de pensar?

Mindfulness não é parar de pensar, mas estar aberto, curioso e desapegado ao que acontece com e em si, momento a momento, sem julgamentos.

Desse modo, por exemplo, ao observarmos a respiração, não buscamos alterar o seu fluxo, mas observá-la tal como se apresenta, com aceitação.

Comece com práticas de Mindfulness simples no dia a dia

Onde quer que você esteja, permaneça lá mentalmente.

Estar presente

Exercício de respiração

A respiração é um valioso objeto de meditação e um milagre silencioso que nos acompanha do nascimento à morte.

Prestar atenção na respiração, sentindo a entrada e a saída do ar, momento a momento, não é tarefa simples como parece.

Assim, comece por sentir o ar entrar e sair, observando a sua temperatura, o seu percurso, a forma como o seus pulmões dilatam e contraem…

A mente divaga, se afasta do momento e você gentilmente a traz de volta e reconhece o quanto ela é destreinada e dispersa.

Não se julgue, o seu treino começou agora e vai melhorar com o tempo.

Como já deve ter percebido podemos praticar Mindfulness em qualquer lugar, a qualquer momento. Sentado num banco de jardim ou no trabalho. Num lugar reservado à meditação ou não.

Assim a cada momento temos a oportunidade de estarmos presentes no aqui e agora, com mais abertura, aceitação e não julgamento.

Exercício do banho

Enquanto toma um duche, em vez de pensar em centenas de coisa diferentes, preste realmente atenção ao duche.

Sinta a temperatura da água, o toque das gotas que saem do chuveiro, o cheiro do champô e do sabonete, o toque da esponja, etc. Não tem que se fixar em definir se as sensações são boas ou más, simplesmente deve sentir.

Foque-se no aqui e agora sem deixar a mente fugir para os problemas do quotidiano, como normalmente acontece quando tomamos banho mecanicamente.

Se a mente fugir para outro lugar, traga-a a de volta e recomece a sentir o seu duche de forma consciente.

Este exercício pode também ser posto em prática quando lava os dentes.

Exercício no local de trabalho:

Um exercício prático para realizar no escritório será concentrar a sua atenção no momento de tomar o café ou chá.

Em vez de tomar café ao mesmo tempo que também realiza outras tarefas como ler e mails, foque a sua atenção de forma consciente no processo de beber e esqueça o resto.

Prove e cheire o café, sinta o peso da chávena e o calor que emana dela.

Mindfulness

Porque praticar Mindfulness?

Os exercícios descritos acima são apenas exemplos de como podemos aplicar o Mindfulness nas nossas vidas.

Na verdade, quantas mais tarefas realizar de forma consciente, mais em contacto estará com a sua vida real.

Desse modo, as tarefas aborrecidas podem tornar-se mais interessantes, pois passa a experienciá-las em pleno.

A sua mente concentra-se e tudo à sua volta surge mais tranquilo.

Os níveis de stress e ansiedade diminuem significativamente, o praticante torna-se uma pessoa mais ponderada e receptiva às novas experiências de vida.

Desse modo a sua qualidade de vida aumenta!

Agora será apenas experimentar!!!

Mais informações sobre Mindfulness no link abaixo:

 https://pt.wikipedia.org/wiki/Aten%C3%A7%C3%A3o_plena

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.